E-Commerce: Analisando Mobile e Desktop de forma separada

E-Commerce: Analisando Mobile e Desktop de forma separada

Clique aqui para o Download do E-book completo Grátis

Neste post vamos olhar para o mobile e para o desktop de forma separada e entender a função de cada um deles na jornada de compra do seu cliente.

Analisando Mobile e Desktop de forma separada

Se você analisa, rotineiramente, as métricas e taxas do seu e-commerce, parabéns, isso é ótimo e você faz parte de uma parcela muito pequena de donos de lojas virtuais que o fazem. Agora, vamos dar um upgrade nisso, vamos subir essa barra de analise e trazer você para um novo nível de analise. Vamos fazer isso olhando os 2 principais veículos de acesso da sua loja, de forma independente.

Levando em consideração tudo o que eu já falei até aqui e o que ainda vou falar, há um ponto crucial a ser observado: todas as análises que podem e devem ser feitas devem avaliar mobile e desktop separadamente.

Pense bem, são experiências completamente diferentes uma da outra!

Porque de olhar mobile e desktop separados?

Aproximadamente 70% dos acessos a sites, hoje em dia, são feitos pelo celular. E a tendência é que esse número cresça ano após ano. Mesmo que tenha um computador em casa, a maioria das pessoas acaba usando o celular para tudo, porque ele está sempre à mão. Com isso, existe uma necessidade de olhar para cada dispositivo com uma ótica completamente diferente. Fazendo isso você vai perceber que, por mais que o volume maior de acesso seja por mobile, a taxa de conversão do desktop é maior.

Então, por que a taxa de conversão do desktop é maior?

Isso ainda está muito ligado ao comportamento de consumo: o cliente tem o primeiro contato com a loja pelo celular, escolhe os produtos e toma a decisão de compra, de forma total ou parcial. Em seguida, vai até um computador e efetiva a operação nele por achar que é mais fácil.

Dica de ouro: é aí que entra a usabilidade do seu site e toda a UX que você precisa melhorar e deixar tinindo para mobile! Se o cliente efetivar a compra direto pelo celular você não correr o risco de perdê-lo nessa transição do mobile para o desktop. Nesse meio tempo, ele pode acabar deixando para depois e esquecer ou simplesmente desistir da compra.

Logo, a conta é bem simples: sua taxa de conversão no mobile deve ser de, pelo menos, 70% em relação à do desktop. Ou seja, se no desktop você tem uma conversão de 1,3%, a do mobile precisa ser de, pelo menos, 0,9%. Esse é um bom norte para iniciar suas otimizações.

Sendo assim, recomendo a seguinte sequência de análises (semanal ou mensal), para estas análises recomendamos o uso do Google Analytics:

  • Taxa de conversão do site > Por dispositivo;
  • Por origem/mídia > Por origem/mídia por dispositivo;
  • Taxa de conversão do carrinho > Carrinho por dispositivo;
  • Por produto > Produtos por dispositivos.

Se você conseguir essa consistência pode ter certeza de que terá excelentes insights para trabalhar e acompanhar a evolução das melhorias que deseja aplicar. Mas lembre-se: fatores externos como mercado, momento e produto também devem fazer parte dessa análise.

Quer saber como alavancar seu e-commerce usando ótimas ferramentas? Confira o post quais ferramentas usar no seu E-Commerce?

Se você quer saber mais de métricas para e-commerce e outras informações para alavancar as vendas da sua loja virtual, acesse agora mesmo nosso e-book. Aproveite, é totalmente grátis.

Clique aqui para o Download do E-book completo Grátis

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Instagram

Postagens